Teste do pezinho: Qual a sua importância? Porque deve ser feito?

O nascimento de um bebê é um momento muito importante na vida dos pais, mas é também um momento de muita preocupação, pois eles precisam dar várias vacinas no bebê e fazer exames de prevenção como, por exemplo, o  teste do pezinho, um exame fundamental que deve ser feito assim que a criança nasce.

Se você acabou de ter um filho é fundamental que ele faça o teste do pezinho, e se você ainda possui dúvidas sobre esse exame, este artigo é para você, continue conosco e tire todas as suas dúvidas sobre ele a seguir!

O que é?

O teste do pezinho é um exame feito em recém-nascidos a fim de conseguir detectar se a criança possui alguma doença grave. Esse exame é bem simples de ser feito e o ideal é que ele seja feito antes mesmo dos pais saírem com a criança do hospital.

Caso o teste do pezinho mostre que a criança possui alguma doença grave o tratamento deverá ser iniciado imediatamente, assim as chances de cura serão maiores.

Como é feito o teste do pezinho?

Alguns pais de primeira viagem costumam ficar um pouco preocupados sobre como é feito este teste, porém é possível dizer que o teste do pezinho é um exame muito simples e que irá demorar apenas alguns minutos.

O exame é feito através da extração de uma gota de sangue do calcanhar do bebê e dentro de 7 dias o resultado já estará pronto. Esse exame é feito através de uma análise laboratorial e é oferecido pelo SUS.

teste do pezinho

Leia também: Tudo sobre a Vacina BCG!

Leia também: Mais conteúdo no texto sobre Bronquiolite!

Leia também: Ultrassom Morfológico!

Leia também: Saiba mais sobre a Icterícia neonatal!

Teste ampliado

O teste de pezinho ampliado se caracteriza como um teste mais completo, assim, através dele é possível conseguir detectar mais doenças do que no teste simples.

Geralmente ao fazer o teste simples é possível detectar 6 doenças, já no teste ampliado, além dessas 6 doenças ainda é possível diagnosticar mais 4 doenças.

Doenças detectadas nesse teste

Com o teste do pezinho é possível diagnosticar algumas doenças importantes, como:

  • Fenilcetonúria
  • Hipotireoidismo congênito
  • Fibrose cística
  • Anemia falciforme
  • Deficiência de biotinidase
  • Hiperplasia adrenal congênita
  • Deficiência de G-6-PD
  • Leucinose
  • Toxoplasmose congênita
  • Galactosemia

Quanto mais rápido for diagnosticada as doenças e iniciado o tratamento, melhores serão os resultados.

Até que dia?

Conforme mencionamos acima, o teste do pezinho deve ser feito antes mesmo do bebê ter alta do hospital, com isso o ideal é que ele seja feito de 3 a 5 dias após o nascimento da criança para que ele tenha maior eficácia.

A importância do teste do pezinho

O teste do pezinho é muito importante para que seja possível diagnosticar se a criança possui ou não alguma doença grave, com ele é possível diagnosticar se o bebê possui alguma doença genética, metabólica ou infecciosa que pode comprometer o seu desenvolvimento neuropsicomotor.

teste do pezinho

Tipos de teste

Existem vários tipos de teste do pezinho, sendo que quanto mais completo, maior o número de doenças que ele pode diagnosticar. Os principais tipos são:

  • Básico: Descobre se a criança tem até 6 doenças;
  • Ampliado: Descobre se a criança tem até 10 doenças;
  • Super: Diagnóstica até 48 patologias;

Resultados

O  resultado do teste do pezinho irá variar conforme o tipo de teste escolhido, mas geralmente ele costuma sair cerca de 7 dias após a realização do exame, e com o resultado em mãos será possível dizer se a criança possui ou não as doenças mencionadas anteriormente.

Em casos de bebês que nascem prematuros pode ser necessário realizar mais de um exame para tentar diagnosticar as doenças.

O ideal é que seja realizado um novo exame quando ele possuir 120 dias de nascido, e caso ele necessite de uma transfusão sanguínea será necessário realizar outro exame 120 dias após a última transfusão.

teste do pezinho

Teste do pezinho dói?

Muitos pais ficam com receio de levar o filho para fazer o teste do pezinho com medo dele sentir dor, mas é possível dizer que o exame irá causar apenas um desconforto no bebê, sendo que a intensidade do desconforto irá variar conforme a sensibilidade de cada recém-nascido.

Mas é importante relembrar que esse exame é muito importante, por isso os pais devem levar seus filhos para fazê-lo o quanto antes, assim as chances de haver uma complicação serão menores.

Espero que você tenha gostado desse artigo, e se ainda ficou alguma dúvida sobre o teste do pezinho é só nos deixar um comentário que responderemos assim que for possível.

1 Compart.
1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

You May Also Like

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *