Meningite: O que é? Quais são os sintomas? Porque é tão perigosa?

Quando se fala em meningite, as pessoas já mostram um certo receio logo com a palavra. Isso acontece, porque é realmente muito grave quando essa doença contamina uma pessoa, ainda mais se for criança.

Apesar de toda essa preocupação com a doença, poucas pessoas sabem de fato o que é a meningite, os sintomas, as causas, os tratamentos, enfim, informações importantes para poder se prevenir e também ter a cura dessa enfermidade.

Nos tópicos a seguir você vai saber tudo que precisa a respeito da meningite, seja ela em adultos, crianças ou bebês. Confira!

O que é?

A meningite é uma inflamação que ataca uma parte do corpo conhecido como meninge. Essas meninges são membranas que envolvem todo o cérebro de uma pessoa, seja ela criança ou adulta.

Quando elas inflamam, elas causam um grave problema cerebral nas pessoas que pode causar até a morte do paciente. Por isso, a meningite é uma doença rápida, perigosa, que precisa ter um tratamento ágil para que seja possível a cura.

meningite

Meningite em bebês

Bebês podem sim contrair meningite. E o problema é que pelo fato de serem bebês fica mais difícil descobrir se a criança está com essa grave doença.

Porém, é possível perceber algumas mudanças de hábito que podem indicar a meningite. Os sintomas mais comuns em bebês são a perda de apetite, a rigidez da nuca que chega a doer se mexer a cabeça e a criança também fica muito irritada, o tempo todo, sem motivo aparente.

O principal sintoma que vai definir mesmo se é ou não meningite é a rigidez da nuca. Os outros sintomas são mais comuns, como febre, dor de cabeça, etc.

Assim que você perceber os sintomas, corra para o médico, hospital, enfim, faça os exames na hora e já comece imediatamente o tratamento. Quanto antes a criança começar a se tratar, mais fácil vai ser ela se livrar dessa grave inflamação.

Quais são os sintomas?

Assim como nos bebês e crianças, os sintomas nos adultos são bem parecidos e o mais importante de todos é a mesma rigidez da nuca. Tente encostar o seu queixo no seu peito, mexendo apenas a cabeça. Em uma pessoa saudável esse teste é feito com facilidade, mas quem tem meningite, dói tanto, que é impossível fazer isso.

Caso você esteja com a nuca rígida, com dor ao tentar fazer esse teste, vá imediatamente ao médico e comece o seu tratamento. É preciso ser rápido, porque cada minuto é valioso para a cura dessa enfermidade.

meningite

Quais são os tipos?

Existem vários tipos de meningite. A mais comum e também mais grave é a bacteriana, mas também tem a viral e a fúngica. Ela também pode ocorrer como sintoma de tipos específicos de câncer, de inflamações diversas e por alergia ao uso de algum tipo de medicamento.

Todos esses tipos podem atingir a fase crônica e provocar a morte do paciente em apenas poucos dias.

Profilaxia

A quimioprofilaxia é um método usado por médicos para evitar a propagação da meningite e de outras doenças infecciosas, como a tuberculose. É um nome geral que significa prevenção com uso de medicamentos e vacinas.

O significado de profilaxia é medicina de prevenção e ela precisa ser feita, porque a meningite é altamente infecciosa. Quando você usa dessas técnicas para evitar que ela se espalhe por um hospital, por exemplo, você evita que muitas pessoas peguem a doença e morram por conta dela.

Qual o tratamento?

Tudo depende do tipo de meningite que você pega. A viral, por exemplo, é menos grave e, normalmente, o próprio corpo elimina o vírus causador da doença com repouso, muita água e alguns medicamentos específicos.

Caso seja a meningite bacteriana, a questão fica mais grave. Ela é altamente fatal e muito perigosa. Por isso, o tratamento é rápido e feito com antibióticos, cortisona e outros que são aplicados diretamente na veia do paciente.

Se for o caso de ser uma infecção por fungos, fungicidas são utilizados para realizar o tratamento. Os medicamentos podem apresentar vários efeitos colaterais, mas é melhor tê-los do que morrer de meningite, não é mesmo?!

Meningite tem cura?

A meningite mais perigosa é a bacteriana, porém, até mesmo ela tem cura. Só que precisa ser feito o tratamento rápido para que a infecção não se espalhe pelo cérebro e provoque a morte do paciente. Todos os outros tipos também são totalmente curáveis, desde que sejam descobertos a tempo de ser feito o tratamento correto.

Se tiver gostado deste texto sobre meningite, compartilhe-o com outras pessoas que precisam ler essas informações!

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

You May Also Like

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *