Chás abortivos: Quais chás as grávidas podem tomar? E quais elas NÃO podem?

chás abortivos grávidas

A gravidez é um momento muito esperado por muitas mulheres, pois algumas sonham com esse momento a vida toda e desejam fazer com que ele seja o mais feliz possível. E por isso, quando a mulher está grávida ela deve tomar vários cuidados para que tudo ocorra  da melhor maneira possível, assim deve ficar atenta principalmente ao que pode ou não fazer uso nesse período para não causar danos ao bebê. E por isso hoje nesse artigo eu irei falar um pouco sobre os chás abortivos que devem ser evitados nesse período.

Se você está grávida e tem muito costume de tomar chá, esse artigo é para você, pois nele eu irei falar alguns dos principais chás que devem ser evitados durante a gestação por serem considerados chás abortivos.

Chá de canela

O chá de canela é um chá muito consumido por mulheres e homens de várias idades, porém as mulheres que estão grávidas deverão fugir dele, pois este é um dos principais chás abortivos.

O chá de canela ajuda a estimular a circulação sanguínea, a acelerar a menstruação e ainda pode causar contrações musculares, por isso ele não deve ser consumido durante a gestação ou essas contrações poderão expulsar o feto do útero causando o aborto. Por esse motivo ele é considerado um chá abortivo

Chá de poejo

Mais um dos chás abortivos que devem ser extintos durante a gravidez, principalmente nos primeiros meses de gestação é o chá de poejo, pois ele pode ajudar a causar contrações uterinas, principalmente se for consumido de maneira excessiva, e essas contrações poderão causar aborto.

Chá de boldo

O Chá de boldo é um chá muito popular na sociedade brasileira visto que ele ajuda a combater vários problemas no organismo, contudo esse chá é contraindicado para mulheres que estão grávidas, pois ele pode ajudar a causar aborto.

Esse chá é muito usado para o tratamento de distúrbios gástricos, mas é rico em ascaridol, por isso possui efeitos tóxicos que faz dele um chá abortivo.

Chá de tanásia

Outro chá que está na lista dos chás abortivos que devem ser evitados durante a gravidez é o chá de tanásia, pois ele pode causar cólicas fortes e hemorragia uterina que poderão fazer com que a mulher sofra um aborto.

Chá de carqueja

O chá de carqueja é muito procurado por suas propriedades medicinais, porém o que muitas pessoas não sabem é que esse chá possui substâncias abortivas por isso ele não pode ser usado por mulheres que estão grávidas.

Além do mais, esse chá também age diretamente na produção de leite, diminuindo-a, por isso ele também não deve ser usado por mulheres em período de amamentação.

Chá de arruda

Mais um chá popular que deve ser evitado pelas mulheres que estão grávidas é o chá de arruda, pois ele é um chá que ajuda a fazer com que a menstruação desça e por isso ele pode provocar aborto.

O consumo desse chá, principalmente em grandes quantidades, pode causar contrações uterinas que causam aborto ou que causam anomalias e má formação do feto.

Chá de aloe vera

E por último não poderíamos deixar de falar do chá de aloe vera, também conhecido como chá de babosa, pois ele também está em nossa lista de chás abortivos.

O consumo do chá de aloe vera pode causar vários problemas gastrointestinais principalmente cólicas, por isso esse chá não deve ser usado por mulheres que estão grávidas ou elas correrão riscos de ter um aborto espontâneo.

chás abortivos

Chás que podem ser consumidos na gravidez

Mas se você adora saborear um delicioso chá, saiba que não são todas as ervas que estão proibidas, e por isso você ainda poderá fazer uso dessa deliciosa bebida.

Alguns chás que podem ser consumidos durante a gravidez são:

  • Chá de camomila
  • Chá de erva doce
  • Chá de erva cidreira
  • Chás de frutas
  • Chás de hortelã

No caso dos chás a base de cafeína, como é o caso do chá preto, o recomendado é que a gestante não tome mais do que meia xícara por dia. Mas em todos os casos o ideal é  consultar o seu médico e ele irá te dizer quais são os outros chás que podem ou não ser consumidos durante a gravidez.

É importante lembrar que o período da gravidez é delicado, por isso a mulher deve tomar muito cuidado com o que consome a fim de não afetar o feto e nem a sua produção de leite, por isso o acompanhamento médico é fundamental e indispensável.

Ficou alguma dúvida sobre os chás abortivos? Deixe um comentário!

0 Compart.
1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

You May Also Like

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *